Sou dessas, filha de. Neta de. Mãe de. Sou.

Meu definir-me sempre é linha torpe, confusa, porque ser é coisa de pedra (e nem ela, nem ela). Estou. Estou passarinha, estou rede de bordado. Estou ciranda. Rio que carrega invisível até o mar.

Estou assim, andarilha. Que é coisa que segue, que foi, que é. E que sempre me atravessa, em um sempre que nem enxergo fonte.

Andei aqui, ali, acolá. E aqui embaixo até descansa um currículo profissional. Assim, coisa para quem quer ver ofício, mas, olha... ponte. Sou só. Ponte. Passagem.

Em mim reside um tanto de gente, e a cada estar sou grata. Sabe? Fundo mesmo. O tanto de gente que aqui percorre corpo meu.

Cá estou, exposta.

Porque prece para mim é partilha.

É olhar para corpo meu – e tudo que nele habita – e expor feito silêncio. A gente é amor, dor, fundura de sentir. Exponho para olhar fundo e sem julgamento. Feito poço. Aqui estou. Reflexo. Aqui sou.

quemeu_men
Currículo resumido

Genifer Gerhardt Siqueira Dimpério é palhaça, bonequeira e poeta. Nascida em Santa Cruz do Sul/RS, é formada em Licenciatura em Teatro pela Universidade Federal da Bahia (2005 a 2008). Apresentou-se e realizou trocas culturais (2009) em povoados dos estados da Bahia, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul com seus dois espetáculos: “Gringa Errante" e "Mundo Miúdo". Neste projeto andou sozinha de mochilão do Nordeste ao Sul do Brasil por mais de 4 mil quilômetros durante 73 dias, a trocar, conhecer as culturas, as atividades e as sabedorias dos habitantes dos povoados.

Em 2012 recebeu o Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz para montagem do espetáculo “Brasil Pequeno”, um solo com bonecos em miniatura inspirado em histórias ouvidas durante seu andar. Pelo projeto fez uma temporada de apresentações em 12 residências de diferentes bairros de Porto Alegre/RS. Recebeu Prêmio Revelação 2013 nas categorias Melhor Atriz e Melhor Espetáculo por “Brasil Pequeno” através da Prefeitura Municipal de Porto Alegre - Secretaria Municipal da Cultura.

Em 2014 lançou o “Brasil Pequeno Itinerante” com a mesma proposta de apresentação com bonecos em miniatura, mas agora a contar diferentes histórias nas ruas e também espaços públicos. Ainda em 2014 foi premiada pelo projeto “Brasil Pequeno Itinerante” - um retorno às povoações visitadas em 2009 – Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz 2014. Pelo prêmio viajou do Sul ao Nordeste (Bahia).

Após este período seguiu a itinerar com suas apresentações artísticas, de maneira independente em sua casa-rodante e junto a seu filho de 2 anos, nos Estados de Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí, Maranhão, Tocantins, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, além da Região Sul. A viagem durou um ano, onde percorreram (mãe e filho) 19.500 quilômetros.

Em 2013 lançou seu primeiro livro: “TIMTIM – um filho, uma mãe, dois nascimentos”. Lançamento independente.

Em 2017 lançou, junto com a Editora Libretos: “brasil pequeno”.

Com seus espetáculos solos foi convidada a integrar a programação oficial do II Festival Latino-Americano de Teatro (Bahia / 2009), 1º Encontro de Palhaços de Itajaí (Santa Catarina / 2010), 7º Festival Internacional de Títeres de Las 5 Regiones (Argentina / 2010), Encontro Lambe-Lambe Brasil – Florianópolis (Santa Catarina / 2010), Orbis Pictus – Festival de Formes Brèves Marionnettiques (Reims-França / 2011), XII Festival de Teatro y Artes de Calle de Valladolid (Espanha / 2011), FESTIM - Festival de Teatro em Miniatura (Belo Horizonte / 2012 e 2017), XII Festival do Teatro Brasileiro – Cena Gaúcha (Goiás e Distrito Federal / 2012), Festival Internacional de Teatro y Títeres de Chascomús (Argentina / 2013), 6º Festival Internacional de Teatro de Rua de Porto Alegre (Rio Grande do Sul / 2014), 14º Festival Internacional de Teatro de Bonecos (Minas Gerais / 2014), OFF RIO – Multifestival de Teatro (Rio de Janeiro / 2014), 13º Festival Internacional de Títeres de Las 5 Regiones (Nogoyá-Argentina / 2016), XVIII Festival do Teatro Brasileiro – Edição Especial Terceira Idade (Rio de Janeiro / 2016), Festival de Curitiba (Paraná / 2017) e Circuito Sesc de Artes 2017 (São Paulo / 2017), além de apresentações de seus trabalhos em casas, teatros, praças, espaços públicos, museus, penitenciária, saraus, escolas, encontros e eventos diversos no Brasil, Argentina, França, Espanha, Holanda e Grécia.

Currículo completo

Clique para baixar o currículo completo.